São Paulo, 14 abr (EFE).- O comércio varejista no país em fevereiro se manteve, pelo segundo mês consecutivo, em alta, com crescimento de 1,6% nas vendas e de 2,2% na receita nominal na comparação com janeiro.

São Paulo, 14 abr (EFE).- O comércio varejista no país em fevereiro se manteve, pelo segundo mês consecutivo, em alta, com crescimento de 1,6% nas vendas e de 2,2% na receita nominal na comparação com janeiro. O salto na comparação com fevereiro de 2009, quando o país ainda buscava estratégias para minimizar o impacto da crise, foi de 12,3% nas vendas e de 15,3% na receita, segundo os números divulgados hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE). O balanço positivo de fevereiro prolonga os bons resultados do indicador mensal, que em janeiro teve avanço de 2,7% nas vendas e de 3% na receita frente a dezembro. Em 2009, as vendas do comércio varejista registraram um aumento moderado de 5,9% no cômputo do IBGE. O comércio no varejo, que recebeu grandes estímulos fiscais para conter a crise, é um dos setores que melhor aguentou no país seus efeitos e levou a economia a fechar 2009 com uma contração de 0,2%, considerada aceitável por muitos analistas. Segundo o IBGE, o bom resultado "expressa um crescimento mais consciente no ritmo das vendas", que para o primeiro bimestre apresentaram um acumulado de 11,3% - 13,9% no caso da receita. EFE wgm/rr
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.