Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Com nova proposta da Fenaban, greve dos bancários pode acabar nesta quarta

RIO DE JANEIRO ¿ A greve dos bancários que já ocorre há duas semanas em todo o Brasil pode chegar ao fim nesta quarta-feira. A Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) apresentou nesta terça-feira uma proposta final de 10% de aumento para os funcionários que ganham até R$ 2 mil, e 8,15% para quem recebe mais que R$ 2,5 mil.

Redação |

Acordo Ortográfico

Além disso, a proposta prevê acréscimo na participação de lucros e resultados (PLR) de 80% do salário mais R$ 878, para 90% dos vencimentos mais R$ 966.

Entretanto, a oferta do órgão não agrada inteiramente a categoria. De acordo com o presidente do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Luiz Cláudio Marcolino, apesar do bom aumento salarial, não agrada a idéia de que ele seja segmentado. Ele afirmou ainda que o valor da PLR está aquém do que os banqueiros podem pagar. Com essa atitude, a Fenaban apontou que pretende levar a Campanha Nacional dos Bancários para o tribunal (Regional do Trabalho) se a greve continuar, disse.

Segundo a secretaria de comunicação do Sindicato dos Bancários do Rio de Janeiro, que teve quase um terço dos bancos em greve, a hipótese mais forte é de que os bancos privados do país aceitem a proposta do Fenaban. Contudo, os bancos públicos (Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil), que possuem questões específicas e muitos integrantes divididos, vão definir se aceitam o acordo ou não após assembléias que ocorrem nesta quarta, no Rio e em São Paulo, a partir das 18h.

Leia mais sobre: Greve dos Bancários

Leia tudo sobre: bancáriosfenabangrevesindicato

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG