Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Com especulações sobre bancos, maioria das bolsas asiáticas têm queda

SÃO PAULO - A maior parte das bolsas asiáticas fechou em baixa nesta terça-feira, com exceção da chinesa, que encerrou as operações com leve alta. As pressões, mais uma vez, vieram do setor financeiro.

Valor Online |

As especulações de que o governo britânico pode adquirir o controle completo do Royal Bank of Scotland, depois que o banco anunciou perdas de mais de US$ 30 bilhões (o maior prejuízo da história corporativa do Reino Unido), agitou os mercados da região. Com isso, as ações do banco HSBC caíram 7,7% em Hong Kong.

Outra notícia que afetou a confiança dos investidores foi a divulgação do Ministério de Recursos Humanos da China de que a taxa de desemprego no setor formal urbano chinês apresentou um crescimento para 4,2% no fim de dezembro, contra os 4% do final de 2007.

Diante do clima pessimista e da queda das commodities no mercado internacional, outro destaque de queda foram os papéis da mineradora BHP Billiton, que caíram 4,7% em Sydney neste pregão.

No Japão, o índice Nikkei fechou em baixa de 2,31%, aos 8.065,79 pontos. O Hang Seng, de Hong Kong, teve queda de 2,85%, aos 12.959,77 pontos. O Kospi, da Coréia do Sul encerrou o pregão com recuo de 2,07%. A única exceção à tendência de queda foi o Shanghai Composite chinês, que fechou no campo positivo, com 0,37% de valorização, aos 1.994,11 pontos.

(Vanessa Dezem | Valor Online com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG