Brasília, 18 - A área plantada com milho safrinha, lavouras que serão cultivadas no primeiro semestre do ano que vem, pode cair entre 20% e 25% em alguns Estados, como no Mato Grosso. A projeção foi divulgada hoje, em Brasília, pela presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), senadora Kátia Abreu (DEM-TO).

A CNA divulgou hoje um balanço do ano para vários produtos agrícolas e também perspectivas para 2009.

De acordo com técnicos da CNA, a perspectiva é de preços ainda mais pressionados para a safra que será colhida no começo do ano que vem. "As expectativas de redução do ritmo de crescimento da economia mundial e estoques carregados sinalizam preços muito próximos dos custos de produção da commodity", avaliaram. A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) já prevê queda de 3,2% na área plantada com milho na safra de verão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.