Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Citrosuco deixa de produzir em Bebedouro e vai demitir 208

SÃO PAULO - A Citrosuco, segunda maior exportadora de suco de laranja do país, atrás da Cutrale, confirmou ontem que não acionária a linha de produção de sua fábrica localizada em Bebedouro (SP) na temporada 2009/10, que começa em junho. Em comunicado, a empresa informou que 208 funcionários serão demitidos.

Valor Online |

A eles a Citrosuco afirma estar oferecendo " um pacote diferenciado de indenização e de benefícios " .

No comunicado, a companhia diz que concentrará a produção em suas duas outras unidades também situadas no interior paulista, em Matão e Limeira. O Valor apurou junto a fontes do segmento que esse remanejamento será possível graças à ociosidade dessas fábricas. Alguma ociosidade também pode ser observada em outras fábricas das demais grandes indústrias de suco.

Controlada pelo Grupo Fischer, cujas exportações superaram US$ 500 milhões em 2008, segundo a Secretaria de Comércio Exterior (Secex), a Citrosuco justifica o fechamento temporário da fábrica de Bebedouro - que continuará recebendo laranja adquirida de produtores da região para processamento nas duas unidades que estarão em operação - com o cenário adverso para os embarques de suco de laranja.

" A decisão da Citrosuco de racionalizar seus processos de produção, mediante o melhor aproveitamento de seus ativos industriais, visa o ganho de eficiência numa conjuntura de estagnação da demanda internacional de suco de laranja " .

(Fernando Lopes | Valor Econômico)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG