Lançado no Brasil em 2003, o Citroën C3 passa por sua primeira reestilização. As mudanças foram leves e concentram-se na dianteira do hatch feito em Porto Real (RJ), que ganhou grade e pára-choques novos.

O preço não mudou: parte de R$ 39.990 (versão GLX 1.4).

Por dentro, o painel de instrumentos é o mesmo. A única novidade está na lista de equipamentos, que passa a contar com oferta de ar-condicionado digital.

O item é de série nas versões Exclusive e XT-R, com motor 1.6 16V (que rende até 113 cv) e opcional para as mesmas configurações de acabamento, mas com propulsor de 1,4 litro (até 82 cv).

A configuração GLX permanece com ar-condicionado convencional, que vem de série independentemente do tipo de motor .

O C3 é o segundo hatch compacto "premium" mais vendido do País, atrás do Fiat Punto. No acumulado de janeiro a julho, somou 21.414 unidades, de acordo com dados da Fenabrave.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.