Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Circuit City pede proteção contra credores nos EUA

SÃO PAULO - A Circuit City Stores Inc. pediu proteção contra credores sob o Capítulo 11 da Lei de Falências dos Estados Unidos.

Valor Online |

O requerimento foi apresentado ao tribunal de falências em Richmond, Virgínia, onde está localizada a rede de produtos eletrônicos.

Em nota, a empresa avisou que pretende continuar operando seus negócios sem interrupção enquanto a administração se concentra em desenvolver e executar um amplo plano de reorganização corporativa.

As operações canadenses da varejista de artigos eletrônicos também irão buscar proteção no Ato de Acordo dos Credores das Empresas no Canadá.

Recentemente, recordou no documento, a Circuit City anunciou determinadas ações para lidar com a condição financeira da empresa e com a deterioração em sua posição de liquidez. Na semana passada, por exemplo, avisou do fechamento de 155 lojas no fim de dezembro, reduzindo em 17% sua força de trabalho nos Estados Unidos.

A Circuit City observou que garantiu US$ 1,1 bilhão em empréstimos para prover capital de giro enquanto estiver sob proteção do Capítulo 11. Vale lembrar que a varejista enfrenta problemas uma vez que os consumidores têm cortado gastos diante de um ambiente econômico difícil.

(Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG