Kuala Lumpur, 30 out (EFE).- As autoridades cingapurianas multarão com entre 10 mil e 1 milhão de dólares de Cingapura (US$ 680 mil) todos os trens que chegarem ao destino com mais de três minutos de atraso, inclusive em plena hora do rush.

De acordo com uma nova normativa publicada hoje, cada comboio só poderá levar 1,6 mil passageiros, e será retirado um terço dos assentos para que caibam mais.

Cingapura, a economia mais avançada do Sudeste Asiático, possui um dos sistemas de transporte público mais modernos do continente, e que praticamente eliminou os engarrafamentos nas ruas.

Além disso, destaca-se pela limpeza e organização, até o ponto de a cidade-estado penalizou o consumo de chiclete, para que os passageiros não jogassem a goma no chão ou colocassem nas portas dos trens. EFE snr/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.