SÃO PAULO - As exportações e as importações da China diminuíram em janeiro pelo terceiro mês consecutivo e num ritmo superior ao esperado, levando o país a registrar superávit comercial superior ao previsto. De acordo com dados divulgados nesta quarta-feira pelo governo chinês, as exportações recuaram 17,5% em janeiro em comparação com o mesmo período do ano passado, para US$ 90,45 bilhões, e as importações caíram 43,1%, para US$ 51,34 bilhões.

O superávit comercial da China totalizou US$ 39,11 bilhões em janeiro, em linha com o superávit de US$ 39 bilhões registrado em dezembro, informou a Administração Geral Alfandegária. Em dezembro, as exportações apresentaram queda de 2,8% e as importações, de 21,3%, ante igual mês de 2007.

Os analistas tinham previsto uma queda de 11% nas exportações, de 25% nas importações e um superávit comercial de US$ 29,9 bilhões no mês passado, de acordo com a média das estimativas dos 15 economistas ouvidos pela Dow Jones Newswires.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.