Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

China registra nova queda das exportações

A China registrou em dezembro, pelo segundo mês consecutivo, uma nova queda das exportações, um dos pilares do forte crescimento econômico do país nos últimos anos, em consequência da crise mundial.

AFP |

No último mês de 2008, a China exportou 111,2 bilhões de dólares, uma redução de 2,8% em relação ao mesmo período do ano anterior.

As importações registraram uma queda ainda maior, de 21,3%, a US$ 72,2 bilhões, de acordo com números oficiais publicados pelo jornal China Daily.

Com isto, o gigante asiático teve em dezembro um superávit comercial recorde, de 39 bilhões de dólares.

As exportações da quarta maior economia mundial haviam registrado em novembro o primeiro retrocesso interanual em sete anos, de 2,2%.

A recessão que afeta as maiores economias ocidentais, principal destino dos produtos chineses, afeta duramente o país asiático, sobretudo as indústrias exportadoras da província de Guangdong (sul).

De acordo com analistas, o setor manufatureiro representa 70% do Produto Interno Bruto (PIB) da China, mas somente metade da produção é consumida no país.

A economia chinesa está em desaceleração desde meados de 2008.

De acordo com projeções do Banco Mundial, o PIB chinês crescerá 7,5% em 2009, o menor nível desde 1990.

frb/fp

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG