Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

China contribuirá para construção de duas novas usinas nucleares no Paquistão

A China aceitou ajudar o Paquistão a construir duas novas usinas nucleares no país como parte de um plano de longo prazo para resolver os problemas de cortes de eletricidade que afetam freqüentemente os paquistaneses, informou neste sábado o chanceler paquistanês.

AFP |

O ministro paquistanês das Relações Exteriores, Shah Mahmood Qureshi, anunciou o acordo depois do retorno do presidente, Asif Ali Zardari, de uma visita de Estado de quatro dias à China.

O Paquistão, que já conta com uma usina nuclear construída pela China e outra em desenvolvimento, se beneficiará de outros 680 megawatts de energia produzidos pelas duas novas instalações, segundo o ministro, que não deu maiores detalhes.

O governo tem um "plano de segurança energética", que visa a aumentar a geração de energia nuclear dos 425 megawatts atuais para 8.800 megawatts em 2030, com o objetivo de satisfazer a demanda crescente.

A China é um dos maiores aliados do Paquistão, assim como seu maior fornecedor de armas.

rj-bgs/dm

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG