As exportações brasileiras vêm perdendo espaço para os produtos chineses nos dois dos principais mercados para os manufaturados do Brasil. O alerta está no documento Observatório-China, elaborado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), que será lançado na próxima semana e foi obtido com exclusividade pelo jornal O Estado de S.

Paulo.

O estudo mostra que a participação dos produtos brasileiros nos Estados Unidos e na Argentina caiu, enquanto a China ampliou sua participação no mercado desses países. O levantamento também alerta que o Brasil deve perder participação no mercado chinês.

No período acumulado de 12 meses até março de 2008, a China teve uma participação superior à do Brasil nas importações dos Estados Unidos em 20 dos 30 principais capítulos da pauta exportadora brasileira. Desde 2000, os produtos chineses têm aumentado a participação nas importações americanas e atingiram 16,1% do total comprado dos Estados Unidos no mercado internacional. O Brasil, por outro lado, vem perdendo mercado nos últimos quatro anos, passando de 1,5% do total importado para 1,32%. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.