Tamanho do texto

A China aumentará a partir de 1º de dezembro os incentivos fiscais à exportação para 3.700 artigos, informaram nesta quarta-feira fontes oficiais.

O governo chinês já havia adotado medidas similares há três semanas para mais de 3.000 produtos a fim de contra-atacar a queda do ritmo da atividade exportadora, afetada por demanda por causa da crise financeira mundial.

Agora a medida beneficia outros 3.770 artigos (27,98% do total de itens de exportação), assinala o comunicado oficial.

jg/js/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.