A presidente do Chile, Michelle Bachelet, anunciou hoje uma série de medidas para estimular a economia. Entre essas medidas, o governo irá injetar US$ 500 milhões na instituição financeira estatal BancoEstado, para aumentar a concessão de hipotecas para famílias de renda baixa ou média.

O governo também contribuirá com cerca de US$ 800 milhões para diversos de seus programas, a maior parte dos quais por meio de sua agência de desenvolvimento Corfo, com o objetivo de facilitar o crédito para empresas pequenas e médias. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.