Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Chávez propõe Gasoduto do Sul e ferrovia regional

O presidente venezuelano, Hugo Chávez, propôs nesta segunda-feira aos seus colegas Luiz Inácio Lula da Silva e Cristina Kirchner (Argentina) a retomada do projeto do Gasoduto do Sul e a criação de uma ferrovia regional para reforçar a aliança entre os três países.

AFP |

Ao comentar a reunião mantida com Lula e Kirchner em Buenos Aires, Chávez disse que "propôs retomar a idéia do Gasoduto do Sul; acredito que este seja o momento".

O projeto do Gasoduto do Sul é uma antiga idéia de Chávez, que prevê aproveitar a riqueza de gás da América do Sul com um ducto capaz de distribuir na região até 150 milhões de metros cúbicos diários.

O gasoduto teria 8 mil quilômetros, a um custo estimado de 23 bilhões de dólares.

Chávez também propôs a Lula e Cristina Kirchner a criação de uma linha ferroviária, atravessando a América do Sul, sobre a qual não deu detalhes.

O líder venezuelano qualificou a reunião em Buenos Aires de "muito importante" e assinalou que os três presidentes acertaram projetos na área energética, que serão debatidos no próximo encontro dos três, marcado para o dia 6 de setembro, em Pernambuco.

"Concordamos com a necessidade de se criar estatais (com capitais dos três países) nos setores petroquímico e energético", disse Chávez.

O presidente venezuelano, que chegou à Argentina nesta segunda-feira, seguirá amanhã com Kirchner para a Bolívia, onde manifestará seu apoio ao presidente Evo Morales, antes do referendo revogatório dos mandatos de governadores e presidentes, no próximo domingo.

Lula partiu de Buenos Aires na tarde de hoje, após uma visita de 24 horas.

lt/LR/tt

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG