Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Chávez propõe à Opep financiar petróleo para países pobres

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, propôs à Opep subsidiar a fatura petroleira dos 50 países mais pobres do planeta, convencido de que os preços do petróleo vão continuar subindo, após superarem nesta quinta-feira a barreira dos 145 dólares o barril.

AFP |

"Que a Opep (Organização dos Países Exportadores de Petróleo) ou alguns de seus membros se encarregue de fornecer petróleo a estes países por meio de mecanismos especiais, subsídios, doações ou convênios. Não vamos ficar mais ricos ou mais pobres" por isto, disse Chávez ao inaugurar a conferência do grupo de países Não Alinhados, na Ilha Margarita.

Chávez destacou que o petróleo "vai continuar subindo, mas não porque (a Opep) quer que suba, isto não é nossa culpa".

O líder venezuelano disse que o barril a 100 dólares seria um preço "justo", mas existem fatores, alheios aos produtores, que elevam os preços.

A queda do dólar, a especulação financeira e as tensões geopolíticas que envolvem importantes produtores de petróleo são, para Chávez, as verdadeiras causas do aumento de preços.

"A culpa não é nossa. Retirem as tropas do Iraque e verão como de imediato os preços cairão vários dólares; parem com as ameaças contra o Irã e contra a Venezuela e verão a queda dos preços" do petróleo.

lt/LR/sd

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG