nova época pós-Bretton Woods - Home - iG" /
Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Chávez defende nova época pós-Bretton Woods

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, defendeu, nesta sexta-feira, em Paris, uma nova época pós-Bretton Woods, para pôr fim às crises financeiras, como a atual, pela qual responsabilizou os Estados Unidos e o sistema capitalista.

AFP |

"Acho que deveríamos buscar uma época, uma nova época pós-Bretton Woods", disse Chávez à imprensa no Palácio do Eliseu, sede da presidência francesa, ao término de uma reunião de 45 minutos com seu colega francês, o conservador Nicolas Sarkozy.

Sobre as conseqüências da crise financeira atual, o presidente venezuelano explicou que "exatamente no fim da Segunda Guerra Mundial os países poderosos do mundo impõem esse modelo de Bretton Woods e, por respeito, ou por temor dos Estados Unidos (...), deu-se a primazia do dólar para tudo o que é a economia internacional".

"E os Estados Unidos não souberam agir com responsabilidade perante o Planeta, tendo esse poder nas mãos, a hegemonia do dólar. E o que fizeram? Emitir moeda e moeda, atrás de moeda, sem sustentação real na economia", enfatizou Chávez.

Ao término da Segunda Guerra Mundial, os acordos de Bretton Woods traçaram as linhas gerais do sistema financeiro internacional.

Chávez, segundo o qual "na Venezuela, não temos esses problemas", insistiu em que "a causa da crise é a irresponsabilidade do sistema capitalista" e criticou o plano de resgate do governo George W. Bush.

"Não acho que a crise se resolva dessa maneira", afirmou Chávez, garantindo que não tocou nesse assunto durante o encontro com Sarkozy, com quem concordou sobre a convocação de uma reunião internacional, "mas que não se fique no grupo dos Oito (G-8, os países mais industrializados do mundo mais a Rússia)".

"O Sul não existe? A África não existe? A América Latina não existe?", questionou Chávez, que concluiu uma rápida visita à capital francesa, procedente da Rússia.

gc/tt

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG