Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

CE discutirá controle dos fundos de hedge a partir de dezembro

Estrasburgo (França), 18 nov (EFE).- A Comissão Européia (CE) apresentará em dezembro uma proposta para melhorar a supervisão dos fundos de hedge -fundos de alto risco que operam em curtíssimo prazo- veículos financeiros que para parte da Eurocâmara estiveram entre os causadores da crise do setor.

EFE |

"Sobre os fundos de hedge e o capital de risco, o comissário (Charlie) McCreevy -responsável de Mercado Interno- me disse que poderá apresentar essas propostas em dezembro", avançou o presidente da CE, José Manuel Durão Barroso, em debate no Parlamento Europeu (PE).

Precisamente os fundos de hedge foram durante meses um dos grandes pontos de desencontro entre a Eurocâmara e McCreevy, pois enquanto os eurodeputados exigiram em várias ocasiões sua regulação, o comissário defendeu sempre que não era necessária uma norma européia ao respeito e os desvinculou da crise financeira.

Barroso disse hoje aos parlamentares que, ao longo de 2009, a Comissão tomará ainda "medidas concretas" sobre regulação e vigilância dos mercados financeiros, levando em conta relatórios elaborados pelo PE nos últimos meses.

O presidente da CE, que discutiu com os deputados as prioridades do Executivo da UE para 2009, assegurou que a agenda de trabalho estará marcada pela crise financeira e pelos esforços para minimizar seu impacto.

Neste sentido, considerou que a "necessidade mais urgente" é iniciar uma "ação coordenada" para estimular as economias e amortecer os efeitos da desaceleração sobre o emprego.

A CE, que apresentará na próxima semana um amplo "plano de recuperação", defende impulsionar o investimento público, para compensar a queda da privada, com especial atenção às infra-estruturas de transporte, energia e tecnologia. EFE mvs/jp

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG