Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Caso Odebrecht não afeta laços com Brasil, diz ministra

As relações diplomáticas entre Equador e Brasil não serão afetadas pela decisão tomada em relação à construtora Odebrecht, disse hoje a ministra das Relações Exteriores do Equador, Maria Isabel Salvador. (A decisão) tem a ver com a relação de uma empresa privada com o Estado equatoriano, afirmou ela, durante entrevista coletiva na missão do Equador junto à Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York, Estados Unidos.

Agência Estado |

Segundo Salvador, esta situação não afeta de maneira nenhuma "as excelentes relações bilaterais que temos com o Brasil e com o governo, com quem temos, aliás, importantes colaborações e cooperação em muitos temas, que vão não apenas da área de cooperação bilateral, mas também na área de integração regional e a própria Unasul (União das Nações Sul-americanas)".

Ontem, o presidente equatoriano, Rafael Correa, confiscou bens e projetos da construtora, expulsando-a do país, e proibiu os executivos da Odebrecht de saírem do Equador por terem negado a pagar indenização pelos supostos prejuízos causados por paralisações na hidrelétrica de San Francisco.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG