Três anos após a condenação de Alberto Salvatore Cacciola e dos ex-diretores do Banco Central, entre eles o ex-presidente Francisco Lopes, o chamado escândalo dos bancos Marka e FonteCindam voltará a julgamento no dia 12, em sessão extraordinária.

Dois desembargadores e uma juíza convocada para o Tribunal Regional Federal da 2.ª Região (Rio e Espírito Santo) julgarão as apelações e recursos de seis processos referentes ao caso, nos quais foram condenadas dez pessoas. Também estará na pauta, embargos de declarações em oito processos do caso do Banco Nacional.

Leia mais sobre Marka - FonteCindam

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.