Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Casas Bahia lança loja virtual com 4 mil itens a venda

SÃO PAULO - Depois de três anos de espera e investimentos de R$ 3,7 milhões, a Casas Bahia colocou nesta segunda-feira no ar seu canal de vendas pela internet. A expectativa é de que as vendas pelo portal, nomeado de filial número 5 mil da rede, responda neste ano por uma fatia de até 2% do faturamento da empresa, que alcançou R$ 13,7 bilhões em 2008.

Valor Online |

Michael Klein, diretor executivo da rede, acredita que as vendas das lojas físicas e da virtual se complementarão. O menu tem 13 categorias com um total inicial de 4 mil produtos, de móveis a games, passando pelos tradicionais eletrodomésticos, eletroportáteis e informática, mas celulares estão de fora.

Com o ganho no poder de compra das classes C, D e E, bem como a expansão do acesso a computadores, a Casas Bahia dá um passo importante, ainda que com certo atraso, já que 97% das empresas no país estão conectadas à internet e 20% das residências têm acesso à rede.

Mas a empresa lembra que nos últimos três anos construiu uma carteira de 5 milhões de clientes que usam cartão crédito Casas Bahia (emitido pelo Bradesco). São consumidores que não tinham acesso a crédito, mas agora poderão usar também o canal virtual pra fazer suas compras com o cartão exclusivo. Também serão aceitos outros meios de pagamento como boleto, débito em conta online, além de cartões de crédito com bandeira Amex, Visa e Mastercard.

Entre as inovações do site, chama atenção o uso do Youtube para seduzir o cliente na hora da compra de alguns itens - inicialmente 100 deles. A ideia é aproximar o comprador do produto, inclusive melhorando o entendimento da funcionalidade deles.

Em caso de dúvidas a empresa estruturou uma consultoria virtual com 100 atendentes, além do atendimento telefônico. Os consumidores têm opção de comprar pelo site e retirar em loja física, o que dispensaria o frete. Inicialmente estarão isentas de frete as compras acima de R$ 299 feitas na região Sudeste. Como a logística da entrega é da própria Casas Bahia, entregas só serão feitas onde a empresa tem filiais.

Para colocar tudo funcionando, a Casas Bahia diz ter optado por um site que é o primeiro no mundo desenvolvido com processamento de dados segundo a segundo. O sistema é integrado ao da rede das lojas físicas. Com parceria da IBM, a empresa acredita ainda ter chegado a um site blindado em relação aos dados trocados durante a compra.

Leia tudo sobre: casas bahia

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG