Washington, 23 out (EFE).- A Casa Branca tem sobre a mesa o projeto de um plano de US$ 40 bilhões para salvar as hipotecas de milhões de proprietários que enfrentam as execuções por falta de pagamento, publicou hoje o The Wall Street Journal.

Esta medida se uniria a outras que o Governo de George W. Bush está adotando para mitigar os efeitos que a crise econômica está tendo nas famílias.

A proposta, segundo a publicação, deve ser feita hoje pela presidente do FDIC (Corporação Federal de Seguros de Depósitos), Sheila Bair, durante um comparecimento no Comitê de Bancos do Senado dos EUA.

Segundo sua proposta, o Governo poderia dar incentivos financeiros aos bancos que aceitarem transformar as hipotecas com problemas em créditos mais acessíveis, e com condições mais favoráveis.

Esta proposta estaria sendo estudada atualmente pelo Departamento do Tesouro, que neste momento conduz o plano de resgate do Governo, e que está sob pressão por sua falta de agressividade para ajudar os proprietários particulares.

O Tesouro também estuda uma medida paralela, que permitirá ao Governo destinar parte dos US$ 700 bilhões em comprar hipotecas diretamente e em renegociar suas condições. EFE pgp/fal

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.