Tamanho do texto

Para passar o tempo, opções variam de ouvir livro a fotografar

A primeira semana de volta às aulas traz consigo o catalisador do trânsito caótico de São Paulo: o aumento do número de carros circulantes. Uma pesquisa recente da IBM Research constatou que a cidade tem o sexto pior tráfego até o local de trabalho, perdendo para Pequim (China), que ocupa a primeira posição, Cidade do México (México), Johannesburgo (África do Sul), Moscou (Rússia) e Nova Délhi (Índia).

O índice, batizado de “Commuter Pain Index” (índice de sofrimento no trânsito, em tradução livre), constatou que 31% dos entrevistados disseram que pegaram um tráfego tão ruim que simplesmente deram meia volta para a casa.

Mas, para não perder a paciência antes mesmo de entrar no carro, o tempo desse trajeto não precisa ser totalmente desperdiçado. Há quem o utilize para ouvir audiolivros, música, notícias, refletir sobre a vida e até mesmo fotografar. Contudo, os cuidados que se deve ter nesses casos é não perder a concentração no trânsito e estar atento a possíveis assaltos.

Clique

A artista plástica Maria Alice Santiago, por exemplo, não sai de casa sem a sua máquina fotográfica. Em suas andanças pela cidade e paradas forçadas por conta do congestionamento, ter um olhar diferenciado para a situação ajuda-a a suportar a demora.

Não foi em São Paulo, mas em Belo Horizonte que o fotógrafo Vinícius Matos registrou algumas de suas imagens mais belas. Conta ele em seu site que ao brincar com as luzes, curtiu, pela primeira vez, um engarrafamento.

Ouvir

Audiobooks também são uma opção para quem pretende passar o tempo. “O que mais vendemos são audiolivros de filosofia e clássicos da literatura. Produtos para download são mais baratos do que os CDs físicos”, comenta Claudio Wulkan, proprietário da Universidade Falada .

Ao lado das alternativas pessoais para matar o tempo, algumas medidas governamentais também buscam reduzir o transtorno do cidadão. Desde a última segunda-feira, em São Paulo, caminhões não podem circular das 5h às 21h na Marginal Pinheiros e, aos sábados, das 10h às 14h. O tráfego de motos estará proibido na pista expressa da Marginal Tietê.

O rodízio de Veículos Urbanos de Carga (VUCs) – que acontece entre 10h e 16h - será suspenso, e eles poderão circular pelas vias respeitando apenas o rodízio de veículos, entre 7h e 10h e das 17h às 20h.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.