Publicidade
Publicidade - Super banner
Carreiras
enhanced by Google
 

Setor privado busca pesquisadores

Investimento na área de P&D, contudo, ainda é pequeno, diz professor

Maria Carolina Nomura, iG São Paulo |

Apesar de ser majoritariamente acadêmica, a carreira de pesquisador está começando a ganhar espaço no setor privado brasileiro, principalmente por conta do aumento do investimento nas áreas de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D), impulsionado pela necessidade constante de inovação.

Segundo o Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT) , o número de mestres e doutores no setor privado cresceu 17% de 2005 a 2008. No entanto, 7 de cada 10 pesquisadores ainda atuam em universidades. Para efeito de comparação, dados da OCDE apontam que nos Estados Unidos cerca de 80% dos pesquisadores atuam no setor privado.

No Brasil, o investimento público em pesquisa é de 0,77% do Produto interno Bruto (PIB), número equivalente ao dos países desenvolvidos, de acordo com Sérgio Robles Reis de Queiroz, professor do Departamento de Política Científica e Tecnológica do Instituto de Geociências (GE) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) .

“Mas, quando falamos de investimento privado, no Brasil são apenas 0,66% contra 2,5% do Japão, por exemplo. Isso é muito aquém do desejável”, diz o professor.

Investimento formiga

Segundo Queiroz, há algumas razões para o investimento privado em pesquisa continuar baixo. Uma delas é que o investimento em inovação e pesquisa só ocorre quando há pressão externa, como aumento da concorrência que demanda inovação, pressão de órgãos regulatórios ou exigência do consumidor.

“Entretanto há um aumento do número de pesquisadores empregados. O cenário está mudando”, comenta o professor. Para se ter uma ideia, em 2000 foram concedidas 14.039 bolsas de estudo para pesquisa no Brasil e no exterior, contra 63.550, em 2008, de acordo com o MTC.

Entre os setores que mais demandam profissionais da área da pesquisa, Sérgio Queiroz destaca o automotivo, seguido do aeronáutico e do químico.

Leia tudo sobre: pesquisacarreira

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG