Publicidade
Publicidade - Super banner
Carreiras
enhanced by Google
 

PUC-SP discute Economia Criativa em seminário internacional

Idéia do encontro é apontar como a diversidade cultural pode trazer vantagens competitivas, gerar empregos e impulsionar a economia do País

Redação iG Empregos |

São Paulo ¿ A PUC-SP promove em 17 de fevereiro, às 19h40, no Tuca (rua Monte Alegre, 984 - Perdizes), o seminário internacional Economia Criativa. A idéia é debater o conceito e as relações desse segmento e sua interface com as políticas públicas, a iniciativa privada e o setor educacional.

O encontro irá reunir professores, pesquisadores, empresários e profissionais ligados ao Terceiro Setor, à cultura e ao entretenimento para estudar cadeias produtivas criativas e novas linhas de financiamento, sempre com foco no desenvolvimento econômico, geração de empregos e inclusão social.

Com o esgotamento dos recursos duráveis do planeta, a criatividade se torna uma grande aliada como motor para impulsionar a economia do país. Trata-se de um recurso que não se esgota, pelo contrário, se multiplica. Criar e fazer da cultura a maior aliada na busca por um desenvolvimento sustentável estão na base do diálogo que a PUC-SP promove neste encontro que reúne especialistas da indústria do samba ao turismo.

Os participantes irão debater a necessidade de se formular políticas públicas e privadas para incentivar a geração de empregos, o aumento da renda e a inclusão social aproveitando a diversidade cultural brasileira e a facilidade dos jovens em compreender a linguagem artística desses programas de qualificação.

O objetivo é compreender como o entretenimento e a economia se unem para formar parcerias com os setores público, privado, socioambiental, tecnológico e científico. Estamos falando de artes cênicas (teatro, dança, circo, marionetes e ópera), visuais e audiovisuais (pintura, escultura, fotografia, cinema, rádio e TV), edição e imprensa (livros, jornais e revistas), desenho (arquitetura, interiores, design, moda e jóias), herança cultural (artesanato, festivais, festividades culturais, carnaval), música (concertos, shows, CDs) e novas mídias ligadas à tecnologia da informação e da comunicação (games, internet, móbile e softwares).

Durante o seminário, a chefe do Programa Mundial da Economia Criativa e da Conferência das Nações Unidas para o Comércio e o Desenvolvimento (ONU/Unctad), Edna Duisemberg, abordará as principais atividades desenvolvidas pela entidade, com maior ênfase na África.

Também estarão presentes Pablo Martins (Secretaria de Políticas Culturais do Ministério da Cultura), Ronaldo Bianchi (Secretário Adjunto da Secretaria Estadual da Cultura), Luiz Sales (São Paulo Turismo) e Alberto Alves da Silva Filho (Escola de Samba Nenê de Vila Matilde), que apresentarão o projeto Fábrica dos Sonhos - Cidade do Samba de São Paulo, da cadeia produtiva das escolas de samba paulistas.   

Serviço:
Seminário Internacional Economia Criativa
17/2 (terça-feira), às 19h40
Tuca (Rua Monte Alegre, 984 - Perdizes - São Paulo - SP)
Entrada grátis. Quem quiser, poderá doar um quilo de alimento não perecível para projetos sociais da PUC-SP.

Programação:
19h40 - Abertura - Prof. Dr. Dirceu de Mello (Reitor da PUC-SP)
20h - Prof. Dr. Antonio Vico Mañas (Vice-Reitor da PUC-SP)
Edna Santos Duisemberg (Chefe do Programa Mundial da Economia Criativa da ONU/ UNCTAD,em Genebra)
Pablo Martins (Secretaria de Políticas Culturais do Ministério da Cultura) Luiz Sales (Assessor de Projetos Estratégicos da São Paulo Turismo)
Alberto Alves da Silva Filho (Vice-Presidente da Liga das Escolas de Samba de São Paulo) 
Ronaldo Bianchi (Secretário Adjunto da Secretaria Estadual da Cultura),
Organização - Prof. Ms.Ricardo Sampaio Zanotta (Coordenador do Projeto Economia Criativa da PUC-SP)

Leia tudo sobre: ig empregosig empregos notícias

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG