Pesquisa da Catho Online também revela outras razões para a demissão

São Paulo ¿ Segundo dados da pesquisa A Contratação, a Demissão e a Carreira dos Executivos Brasileiros 2009 , realizada pela Catho Online, durante março e abril deste ano, não trazer resultados esperados para as empresas e ser tecnicamente incompetente são as principais razões para a demissão de um profissional, com índices de 25,2% e 22,9% respectivamente.

Entretanto, não se relacionar bem com outras pessoas do grupo, não ter dinamismo suficiente e ser fraco na supervisão de pessoas são fatores igualmente decisivos na hora de demitir um funcionário (17,8%, 13% e 11,3%).

Resultados - Quando segmentada pelo cargo do profissional demitido, a pesquisa apontou que presidentes, gerentes gerais ou profissionais de cargos equivalentes são demitidos, na maioria das vezes, por não obter os resultados esperados (28,6%).

Profissionais de cargos hierárquicos mais baixos, como operacionais ou administrativos, são dispensados principalmente por serem tecnicamente incompetentes (26,8% e 27% respectivamente).

Pesquisa - A pesquisa sobre Contratação, Demissão e Carreira dos Executivos Brasileiros foi realizada entre os meses de março e abril deste ano. A análise contou com a opinião de 16.207 participantes, que responderam a um formulário online com 299 perguntas, questionando sobre essas três dimensões da vida do profissional.

Leia mais sobre pesquisas

Receba as atualizações do iG Empregos

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.