Publicidade
Publicidade - Super banner
Carreiras
enhanced by Google
 

Pesquisa mostra que executivos em transição de carreira estão otimistas sobre recolocação

Em meio à crise financeira, eles acreditam que assumem nova posição entre três e seis meses, porém, admitem salários menores

Redação iG Empregos |

São Paulo ¿ Apesar da crise financeira e das incertezas que cercam a economia, 54% dos executivos em transição de carreira estão otimistas em relação à sua recolocação no mercado e acreditam que assumem nova posição entre três e seis meses. A conclusão é da Pesquisa Mariaca sobre Demissão, que entrevistou 250 executivos de cargos elevados em transição de carreira, entre homens e mulheres, nos meses de outubro e novembro.

A pesquisa mostra que, apesar do otimismo, 94% dos executivos afirmam que aceitariam receber um salário menor. Dos entrevistados, 87% estariam dispostos a ocupar um cargo inferior ao que tinham antes. Mesmo com o sentimento de otimismo, o momento é de cautela e os executivos sentem isso, afirma à imprensa Lúcia Costa, sócia-diretora da Mariaca na área de outplacement, que coordenou a pesquisa.

O levantamento indica que 48% dos executivos aceitariam mudar de área e 45% aceitariam esta situação, dependendo do desafio proposto.

Entre os entrevistados, 69% se sentem tranqüilos e confiantes e 45% encararam bem a demissão. O papel da família também é muito valorizado: 56% disseram que a vida familiar não foi afetada pelo desemprego e 70% afirmaram que a família sempre os apoiou.

Leia tudo sobre: ig empregosig empregos notícias

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG