Publicidade
Publicidade - Super banner
Carreiras
enhanced by Google
 

Em busca da reciclagem do trabalhador

Senai-SP disponibiliza 100 mil vagas para empresas capacitarem trabalhadores

Andreza Emília Marino |

Em meio ao cenário de turbulência na economia, algumas empresas têm buscado opções junto aos sindicatos para evitar a demissão dos trabalhadores. A redução da jornada de trabalho e de salário em troca de estabilidade de emprego é uma das alternativas.

Werner Kugelmeier, diretor-proprietário da WK Prisma - Educação Corporativa Modular, em Campinas (SP) e consultor de carreira, assim como diversos outros especialistas, acredita que os profissionais devem aproveitar o momento para repensar a vida profissional e investir em cursos de capacitação. O aprendizado adicional é bom em qualquer circunstância. Nesse caso, é a oportunidade para uma reciclagem que, por conta da jornada de trabalho prolongada, o trabalhador talvez não conseguisse fazer, explica. É uma questão de aproveitar a oportunidade e o tempo em prol do desenvolvimento profissional.

Com a intenção de qualificar os trabalhadores aproveitando a diminuição da carga horária, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai-SP) disponibilizou gratuitamente para as empresas interessadas 100 mil vagas dentre as mais de seis mil opções de cursos da entidade. Trata-se de uma ação regional, sendo que as unidades do Senai de cada Estado podem fazer algo semelhante, respeitando as particularidades de cada local.

Para ter acesso às vagas, a empresa precisa ter fechado acordo coletivo com o sindicato em questão, explica o gerente de comunicação da entidade, Carlos Dias. Os cursos poderão ser ministrados nas unidades do Senai-SP, na empresa ou de forma mista. Nas cidades em que não há Senai, uma unidade móvel será destacada para ministrar o treinamento. Acreditamos que os cursos irão qualificar os trabalhadores e deixá-los mais em linha com as necessidades do mercado, avalia Dias.

As empresas interessadas devem procurar a diretoria técnica do Senai-SP para definir os detalhes dos treinamentos.

Leia mais
Empregador pode recorrer a Bolsa Qualificação para evitar demissão

Leia tudo sobre: ig empregosig empregos cursos

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG