Publicidade
Publicidade - Super banner
Carreiras
enhanced by Google
 

Aproveite os happy hours de fim de ano e amplie seu networking

Mas evite abusar da informalidade comum nesse tipo de confraternização, aconselha especialista

Rachel Sciré |

Chegou o fim do ano e com ele os convites para eventos de confraternização da empresa ou de clientes, fornecedores e parceiros. Além das festas, os famosos happy hours, que normalmente têm um tom mais informal, também costumam fazer parte da agenda dos profissionais que querem comemorar o ano que termina.
 
No entanto, por mais que o momento seja de descontração, o ambiente não é tão informal quanto parece. Vale a pena prestar atenção em algumas dicas de Rosana Bueno, especialista em marketing e professora do Instituto de Organização Racional do Trabalho de São Paulo (Idort), para não estragar a diversão e nem sua imagem na empresa ou junto ao cliente. Confira a seguir.

Confraternização
Mesmo quem não gosta de frequentar bares ou festas, deve fazer um esforço para comparecer a esses eventos. Quem não é visto, não é lembrado, atenta Rosana. Além disso, a consultora destaca que a participação é importante para não passar a imagem de uma pessoa que não consegue se relacionar.

Os quatro S
Em situações de festas corporativas, Rosana sugere aplicar a regra dos quatro S: surgir, sorrir, saudar e sumir. Não cai bem ser o primeiro a chegar. Nem o último a sair.

Comportamento
De acordo com a consultora, mesmo fora do ambiente de trabalho, sempre se está com sua rede de contatos profissionais. Por isso, nada de exaltações, como beber demais, dançar escandalosamente e contar piadas maldosas. Também evite falar de questões pessoais ou do chefe, da empresa e de assuntos de trabalho. Prefira conversas sobre temas triviais, aconselha Rosana.

Networking
O happy hour traz a grande oportunidade de se relacionar com pessoas diferentes. Tem interesse em mudar de área no próximo ano? Peça para ser apresentado ao gerente, sugere a especialista. O ideal é aproveitar o momento para se divertir e ampliar o networking.

Leia tudo sobre: ig empregosig empregos carreira

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG