Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Cargill amplia crédito para produtores de soja no Brasil

A multinacional norte-americana Cargill elevou o volume de recursos que serão destinados aos produtores brasileiros para US$ 500 milhões em 2008, ante US$ 400 milhões liberados no ano passado, afirmou o presidente da companhia para a América Latina, Sergio Rial. De fato, aumentamos a liquidez em comparação com o ano passado, disse o executivo em entrevista por telefone à Dow Jones.

Agência Estado |

O incremento ocorre mesmo diante dos problemas de crédito nos Estados Unidos, seu principal mercado.

A Cargill, maior grupo de agribusiness do mundo, informou que os recursos são destinados essencialmente aos produtores de soja, commodity mais importante no Brasil. O País figura em segundo lugar no ranking dos maiores produtores da oleaginosa, atrás dos Estados Unidos.

Apesar das reclamações sobre escalada de preços de insumos, como fertilizantes e combustíveis, os produtores ainda conseguiam manter os investimentos em produção quando os preços da soja estavam em alta. Entretanto, agora que os preços da commodity operam em queda no mercado, os agricultores ameaçam reduzir a área plantada e a produção. O recurso extra oferecido por tradings como a Cargill viria justamente neste cenário em que o produtor encontra dificuldades para arcar com as despesas e ainda investir em novos equipamentos.

A unidade brasileira da Cargill, que registrou vendas de R$ 12,8 bilhões em 2007, compra entre nove e 10 milhões de toneladas de soja. Deste total, quatro ou cinco milhões são esmagados para produzir óleo de soja e farelo para ração animal. O restante é destinado à exportação.

A Cargill também está aumentando sua capacidade de processamento no Brasil com a construção de uma esmagadora em Primavera do Leste, no Mato Grosso. A nova unidade deve iniciar as operações até julho de 2009 e terá capacidade de processar entre 600 mil toneladas e um milhão de toneladas. Com esta planta, a empresa pretende abastecer o mercado local, especialmente os criadores de gado que necessitam do farelo para alimentar os animais. Atualmente, a Cargill conta com seis processadoras no Brasil. As informações são da Dow Jones.

 

Leia tudo sobre: soja

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG