Tamanho do texto

SÃO PAULO (Reuters) - Autoridades financeiras de todo o mundo vão discutir no sábado um grande papel para as economias emergentes no modo como a crise financeira global é administrada mas não há necessidade de novas instituições, disse o ministro das Finanças do Canadá. Uma das posições que vou defender é que este é um tempo de crise e esse não é provavelmente o melhor momento para se considerar questões constitucionais, que nós deveríamos estar avaliando abordagens práticas, pragmáticas, disse Jim Flaherty.

Ele também disse que as autoridades financeiras que participam de uma reunião anual do G20 --grupo de principais economias do mundo-- deveriam definir princípios para estímulos fiscais em diferentes países.

(Reportagem de Louise Egan)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.