Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Canadá estuda seguir os EUA e proibir vendas a descoberto

Toronto (Canadá), 19 set (EFE).- O Canadá estuda a proibição temporária das vendas a descoberto (short selling) de ações de serviços financeiros, após a decisão dos Estados Unidos e do Reino Unido de impedir esta atividade.

EFE |

O jornal "The Globe and Mail" afirma hoje, em sua edição on-line, que Paul Bourque, vice-presidente da Organização Regulatória da Indústria do Investimento do Canadá (IIROC, em inglês), reconheceu que a decisão está sendo estudada.

A SEC (comissão mobiliária americana) anunciou hoje que 799 instituições financeiras não podem fazer vendas a descoberto por enquanto, durante um prazo inicial de dez dias. EFE jcr/an

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG