Toronto (Canadá), 10 out (EFE) - O Canadá comprará cerca de US$ 22,5 bilhões de hipotecas não asseguradas para facilitar a disponibilidade de crédito no país, anunciou hoje o ministro das Finanças, Jim Flaherty.

Flaherty fez o anúncio pouco antes de ir para Washington, onde participará da reunião de urgência dos ministros de Economia e Finanças do Grupo dos Sete (G7, sete nações mais industrializadas) na qual a crise financeira mundial será analisada.

O ministro disse que "esta ação ajudará as instituições financeiras canadenses a reunir fundos a longo prazo e colocá-los à disposição dos consumidores, compradores de imóveis e empresas no Canadá".

O anúncio foi feito depois da queda nas pesquisas de opinião do governante Partido Conservador, após as acusações da oposição de falta de ação do Governo do primeiro-ministro Stephen Harper diante da crise financeira mundial.

O Canadá realizará eleições gerais antecipadas em 14 de outubro.

EFE jcr/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.