Com a decisão, distribuidor nacional poderá importar álcool para compensar a falta do produto no mercado interno

BRASÍLIA - A Câmara de Comércio Exterior (Camex) decidiu hoje alterar temporariamente a alíquota do imposto de importação de álcool etílico (etanol), zerando a tarifa que atualmente é de 20%.

Segundo a secretária executiva da Camex, Lytha Spíndola, a alteração do imposto é coerente com as reivindicações brasileiras em relação aos demais mercados "no sentido de eliminar as barreiras tarifárias e não tarifárias impostas ao produto". Com a queda na produção nacional de álcool, em consequência das chuvas nas regiões produtoras, o preço do produto aumentou nos postos de combustíveis. Com a decisão da Camex, o distribuidor nacional poderá importar o álcool para compensar a falta do produto no mercado interno. (Agência Brasil)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.