Brasília, 03 - A Câmara de Comércio Exterior (Camex) aumentou de zero para 14% a Tarifa Externa Comum (TEC) para ceifeiras agrícolas e de 2% para 14% a tarifa relativa a bicalutamida (princípio ativo para medicamentos contra tumores) e para sais do sulfato de condroitina (suplemento alimentar usado no tratamento contra artrite). A secretária-executiva da Camex, Lytha Spíndola, explicou em entrevista que a elevação da TEC nesses três casos se deve ao fato de que passaram a ser produzidos no Mercosul.

Também na reunião de hoje, a Camex reduziu de 14% para 2% a TEC para resinas de petróleo e de 12% para 2% a TEC para clorobenzeno (usado em corantes). Nesses dois casos, a alíquota foi reduzida por não haver produção regional desses produtos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.