Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Câmbio puxa receita das exportações de carne de peru em MG

Belo Horizonte, 24 - As exportações mineiras de carne de peru estão favorecidas pela valorização do dólar em relação ao real. De acordo com levantamento realizado pela Superintendência de Política e Economia Agrícola da Secretaria de Agricultura de Minas Gerais, entre janeiro e outubro deste ano a receita com as vendas externas totais, incluindo carne não processada, atingiu o valor de US$ 83 milhões, o que representou uma crescimento de 29,7%, com o embarque de aproximadamente 34 mil toneladas de carne de peru.

Agência Estado |

Segundo a secretaria, o volume das exportações não aumentou no mesmo ritmo, com um incremento de apenas 9,2% na comparação entre os dois períodos. O incremento na receita das exportações do produto processado (preparações alimentícias e conservas de peru) foi de 26%, na comparação com o mesmo período do ano passado, para US$ 46 milhões.

Já o valor das exportações mineiras da carne não processada, no acumulado de janeiro a outubro deste ano, subiu 33,1%, na comparação com o mesmo período de 2007. A receita estimada com a comercialização externa dessa carne aproxima-se de US$ 37,5 milhões, ante valor aproximado de US$ 28 milhões registrado de janeiro a outubro do ano passado. Os dados sobre a comercialização externa da carne de peru procedente do Estado foram publicados pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC).

De acordo com informações da secretaria, a cotação média, no exterior, do quilo da carne não processada foi de US$ 2,04. No caso das exportações do grupo de preparados alimentícios e conservas à base da carne de peru, a cotação média do quilo, neste caso, foi de US$ 2,88.

A Rússia foi o principal mercado comprador da carne produzida em Minas, com um volume de US$ 16,4 milhões entre janeiro e outubro. No ano passado, as exportações do produto para aquele país movimentaram uma cifra inferior da ordem de US$ 7 milhões. Em seguida estão a África do Sul, (US$ 3,1 milhões), Holanda (US$ 2,8 milhões) e Benin, na África, com US$ 573 mil.

De acordo com a Associação dos Avicultores de Minas Gerais (Avimig), toda a exportação de carne de peru do Estado é proveniente da unidade da Sadia localizada em Uberlândia, na região do Triângulo Mineiro, que utiliza o sistema de integração de produtores para obter o volume de aves necessário ao abastecimento interno e às vendas no exterior. A própria indústria mantém as matrizes para gerar os perus que serão entregues aos produtores para engorda, além de fornecer também a ração e outros insumos e garantir a assistência técnica dos plantéis.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG