Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Câmara norte-americana vota plano de resgate financeiro

Washington - A Câmara de Representantes dos EUA iniciou nesta sexta-feira a votação sobre o plano de resgate ao sistema financeiro, avaliado em cerca de US$ 700 bilhões.

Redação com EFE |

Acordo Ortográfico

 O Senado aprovou a polêmica medida nesta quarta-feira por 74 votos a favor e 25 contra.

Na segunda-feira passada, dois terços dos republicanos e um terço dos democratas na Câmara Baixa rejeitaram a proposta inicial da Casa Branca.

A presidente da Câmara de Representantes, a democrata Nancy Pelosi, disse hoje, em entrevista por rádio, que acredita que os líderes democratas e republicanos conseguiram os votos necessários para a aprovação da medida.

Também afirmou que não submeteria o projeto de lei à votação a menos que tivesse certeza que seria aprovado, para evitar uma repetição do que aconteceu na segunda-feira.

São necessários pelo menos 218 votos para que a Câmara Baixa aprove a legislação do Senado.

O líder da minoria republicana na Câmara Baixa, John Boehner, expressou também seu otimismo de que a medida será aprovada hoje neste fórum.

Disse a jornalistas que algumas emendas colocadas no projeto de lei desde segunda-feira "melhoraram".

"É perfeita? Não, mas claramente é melhor que há uma semana", afirmou Boehner, que se disse otimista "sobre o que acontecerá hoje".

"Não damos nada por certo e vamos continuar falando com nossos legisladores, mas chegou o momento de agir", disse.

A medida é considerada pela Casa Branca como imprescindível para estabilizar o sistema financeiro do país, vítima de grandes turbulências nas últimas semanas que atingiram a confiança das empresas e dos consumidores.

Para saber mais

Leia tudo sobre: crise financeira

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG