Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Câmara dos EUA aprova pacote de US$ 819 bilhões

A Câmara dos Representantes dos Estados Unidos votou e aprovou na noite desta quarta-feira o pacote de US$ 819 bilhões de estímulo à economia, na maior tentativa até agora do governo de Barak Obama de tentar reanimar a combalida economia americana. Os democratas tiveram que se apoiar na sua sólida maioria para aprovar o pacote, com nenhum voto dos republicanos em apoio às medidas.

Redação com agências |

 

O plano foi aprovado por 244 votos a favor e 188 contra.
O custo estimado do pacote foi reduzido para US$ 816 bilhões, da quantia original de US$ 825 bilhões. Outros US$ 3 bilhões foram acrescentados no plenário por congressistas democratas para financiar melhoras e obras no transporte público.

O pacote inclui US$ 544 bilhões em novos gastos do governo, com investimentos em infraestrutura; significativos recursos para estados, que ajudarão os governos a lidarem com uma situação cada vez mais deteriorada na economia; e assistência financeira à população de baixa renda mais afetada pela recessão.

Medidas de cortes de impostos para indivíduos e empresas somam US$ 275 bilhões, com destaque em um corte de impostos de US$ 500 para cada trabalhador americano.

Primeira vitória

Obama comemorou a sua primeira importante vitória legislativa dizendo que a medida injetaria dinheiro na enfraquecida economia dos EUA e acrescentou que espera que a legislação seja fortalecida ao se mover para o Senado.

"O plano vai agora para o Senado, e eu espero que nós possamos continuar a fortalecer esse plano antes que ele chegue à minha mesa", afirmou o presidente em um comunicado.

* Com informações de Agência Estado e Reuters

Leia mais sobre: Crise financeira

Leia tudo sobre: obama

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG