Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bush fala de economia e dos futuros desafios do governo Obama

O presidente George W. Bush afirmou nesta segunda-feira que está disposto a enviar ao Congresso um pedido pela segunda parte do plano de resgate financeiro de 700 bilhões de dólares caso seu sucessor, Barack Obama, pedir.

AFP |

"Eu disse a ele que se ele acha que os 350 bilhões são necessários, eu os pedirei ainda durante minha gestão", afirmou, falando na entrevista coletiva que deve ser sua última como presidente dos Estados Unidos.

Bush também afirmou desejar um cessar-fogo duradouro na Faixa de Gaza, mas que isso depende do cessar das hostilidades do Hamas contra Israel.

"Sou a favor de um cessar-fogo duradouro. E uma definição de cessar-fogo duradouro é que o Hamas deixe de disparar foguetes contra Israel. Acho que a escolha é do Hamas".

Bush advertiu ainda que a maior ameaça que seu Obama enfrenta é um ataque contra o território americano.

"A ameaça mais urgente comque terá de tratar, assim como os outros presidentes depois dele, é um ataque contra nosso território".

"Gostaria de poder dizer que este não é o caso, mas ainda há um inimigo lá fora que quer causar danos aos americanos. Essa será a maior a ameaça".

Nesse sentido, afirmou que a Coréia do Norte e o Irã são países ainda muito perigosos, principalmente por seu programa nuclear.

jkb/cn

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG