Bush comemorou e expressou confiança de que o plano será aprovado rapidamente. Em http://ultimosegundo.ig.com.br/economia/2008/09/28/bolsa_de_toquio_reage_bem_a_anuncio_do_plano_de_resgate_053_1942678.htmlTóquio, a Bolsa reagiu bem ao anúncio do plano e abriu em alta." /
Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bush diz que pacote evitará que economia dos EUA quebre

WASHINGTON - O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, disse neste domingo que o pacote de resgate de 700 bilhões de dólares a Wall Street que está sendo finalizado pelo Congresso fornece as ferramentas e os recursos para proteger a economia do país de uma quebra geral. http://ultimosegundo.ig.com.br/economia/2008/09/28/bush_comemora_projeto_de_lei_de_resgate_financeiro_1942617.htmlBush comemorou e expressou confiança de que o plano será aprovado rapidamente. Em http://ultimosegundo.ig.com.br/economia/2008/09/28/bolsa_de_toquio_reage_bem_a_anuncio_do_plano_de_resgate_053_1942678.htmlTóquio, a Bolsa reagiu bem ao anúncio do plano e abriu em alta.

Redação com agências internacionais |

 

"Esse plano envia um forte sinal ao mundo de que os EUA estão agindo seriamente na restauração da confiança e da estabilidade do nosso sistema financeiro", disse Bush em comunicado.

"Sem o plano de resgate, os custos para a economia norte-americana seriam desastrosos."

Secretário pessimista

Não há em vista um fim próximo para a turbulêncua dos mercados financeiros que atingiu os Estados Unidos e o restante do mundo, disse o secretário do Tesouro norte-americano, Henry Paulson, em entrevista transmitida no domingo. Na entrevista gravada para o programa "60 Minutes" da CBS, Paulson disse que a melhor esperança para a estabilização dos mercados recai sobre o pacote de ajuda de 700 bilhões de dólares que está tramitando no Congresso.

Paulson preferiu não especular sobre o que aconteceria se o pacote não for aprovado. "Vamos fazer isso funcionar e faremos o que for necessário para funcionar", afirmou ele.

"Teremos turbulência no nosso sistema financeiro por algum tempo, mas eu acredito que vai funcionar."

(Com Reuters)

Leia também:

 

Saiba mais sobre Plano Paulson

Leia tudo sobre: plano paulson

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG