Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Brown pede medidas coordenadas para retomada orçamentária

O primeiro-ministro britânico, Gordon Brown, lançou um apelo nesta terça-feira aos Estados para que adotem medidas orçamentárias coordenadas (como redução dos impostos e aumento dos gastos públicos) para tirar o mundo da crise, afirmando que isto teria muito mais efeito do que planos isolados.

AFP |

"Um plano de retomada orçamentária pode se beneficiar da adoção de planos similares em outros países e é assim que o mundo relançará a atividade econômica", declarou em entrevista à imprensa em Downing Street.

Ele também confirmou que o governo britânico aumentará a dívida pública para financiar tais medidas.

"Uma retomada orçamentária quer dizer que se tem capacidade para emprestar, desde que a dívida nacional seja pouco elevada, para que a economia possa avançar", explicou, acrescentando que a dívida pública britânica é uma das menos elevadas "em percentual do PIB" dos países industrializados.

Além disso, como segundo a imprensa o governo estaria prestes a anunciar reduções de impostos em seu próximo orçamento, cujas linhas gerais serão apresentadas na próxima semana, Brown criticou a proposta do Partido Conservador (oposição) de reduzir os encargos sociais das empresas que contratarem desempregados.

"Eles mudam de política todos os dias, eles lançam uma nova idéia para sair nos jornais mas não ela está à altura dos problemas que estamos enfrentando", lançou.

fpo/lm

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG