O primeiro-ministro britânico, Gordon Brown, pediu a China e aos Estados do Golfo ricos em petróleo que aumentem substancialmente seu aporte ao Fundo Monetário Internacional (FMI) para que este ajude no resgate dos países afetados pela crise econômica.

"É do interesse de todas as nações que os problemas financeiros não se estendam", afirmou Brown, que pediu a China e aos países do Golfo que aumentem seu aporte ao FMI para ajudar os países afetados pela crise financeira.

ame/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.