A prioridade número um da França e da Grã-Bretanha é deter o contágio da crise financeira às economias emergentes da Europa do Leste, declarou nesta terça-feira o primeiro-ministro britânico, Gordon Brown, ao reunir-se com o presidente Nicolas Sarkozy, na periferia de Paris.

Já o presidente francês afirmou desejar que a União Européia, que "dispõe de 12 bilhões (de euros) para apoiar um certo número de Estados", aumente para "pelo menos 20 bilhões de euros esta "capacidade de resposta à crise".

paj-cp/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.