Tamanho do texto

SÃO PAULO - O brasileiro Ronaldo Gomes Silva aparece na relação de vítimas fatais do acidente ocorrido ontem em Madri com um avião da Spanair. A informação foi passada pelo governo espanhol ao ministério das Relações Exteriores do Brasil.

O subdiretor-geral de Operações da Spanair, Javier Mensoza, confirmou que o comandante do vôo JK 5022 retornou a aeronave para a área de embarque ao detectar e informar um problema de superaquecimento. Uma vez isolado o problema, o piloto foi autorizado a voltar para a pista de decolagem ao não detectar mais anomalias.

Mendoza explicou, conforme matéria do jornal El País, que a equipe de manutenção da Spanair tratou o problema seguindo os procedimentos dos manuais do avião e o isolou dentro das condições para voar.

Segundo fontes oficiais, dos mais de cem mortos, 39 já foram identificados. Ainda podem ser identificados outros 30 por meio de digitais.

(Valor Online, com Agência Brasil e agências espanholas)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.