Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Brasil bate recorde mensal com 309 mil novos empregos formais em junho

BRASÍLIA - O País gerou 309.442 novos empregos formais durante o mês de junho, o maior resultado mensal já apurado pelo Ministério do Trabalho desde o início da série histórica do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), em 1995. O recorde mensal anterior era de abril de 2007, com 301.991 vagas criadas.

Valor Online |

 

No primeiro semestre, foram gerados 1.361.388 novos empregos com carteira assinada, nível recorde para o período, e que representa alta de 24% sobre as 1.095.503 vagas abertas entre janeiro e junho de 2007. Em 12 meses até junho, foram abertas 1.883.277 vagas. Durante o governo Lula, desde 2003, o total de novos empregos formais soma 7.630.156 postos.

O desempenho do mês de junho deste ano foi puxado pela agricultura, que também teve o melhor mês da série histórica em termos de geração de empregos formais, com a abertura de 92.580 novos postos no setor.

Os demais segmentos da economia analisados pelo Caged - comércio, serviços, indústria de transformação, indústria extrativa mineral e construção civil - também registraram no mês passado níveis recordes de geração de vagas para meses de junho.

O ministro do Trabalho, Carlos Lupi, atribuiu o resultado à pujança da economia brasileira, comentando ainda que o desempenho recorde da agricultura foi influenciado pela época de colheita da safra 2007/2008. Ele chamou atenção para as contratações na área de café, que renderam 40.067 novos postos de trabalho, ou 43% do total do setor.


Leia mais sobre: emprego

Leia tudo sobre: emprego

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG