Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Brasil avança em ranking de bancos

Bradesco, Itaú, Banco do Brasil e Unibanco estão entre as 100 marcas de instituições financeiras mais valiosas do mundo. É o que revela uma pesquisa feita pela Brand Finance, empresa inglesa especializada na avaliação de ativos intangíveis, em conjunto com a revista - também inglesa - The Banker.

Agência Estado |

Divulgado ontem, o levantamento com 500 instituições traz o Bradesco em 12º lugar (ante 42º na edição de 2008), o Itaú em 21º (54º no ano anterior), o Banco do Brasil em 35º (ante 45º) e o Unibanco em 67º (não aparecia na pesquisa anterior). "O avanço das marcas brasileiras deve-se à queda de outros bancos e ao fato de terem tido uma melhora de percepção mesmo no meio da crise", explicou o sócio e presidente da Brand Finance para América do Sul, Gilson Nunes.

As dez primeiras colocações do ranking dão uma ideia do impacto da crise no sistema. O Citi, por exemplo, caiu do 2º para o 7º lugar. O Goldman Sachs, que era 9º na pesquisa de 2008, foi para 16º. Um dos maiores tombos foi o do belga-holandês Fortis, que despendou da 35ª colocação para a 178º. A instituição foi parcialmente estatizada em setembro do ano passado.

Em compensação, diversos bancos de países emergentes (cujo sistema bancário foi menos afetado pela crise) avançaram na lista. Dois bancos chineses - ICBC (5º) e China Construction Bank (9º) - ficaram entre os top 10.

O banco de investimentos americano Lehman Brothers, cuja quebra, em 15 de setembro, causou o aprofundamento da crise financeira global, e o Bear Stearns, que foi vendido em março do ano passado para o JP Morgan em uma operação coordenada pelo governo dos EUA, foram excluídos da lista.

O valor somado das marcas financeiras caiu 32% de um ano para o outro, e atingiu US$ 218,1 bilhões. Embora expressivo, o recuo foi menor do que a queda do valor de mercado das instituições no mesmo intervalo - 51%, para US$ 3,9 trilhões. Isso revela, explicou Nunes, a força da marca de uma instituição financeira.

A marca Bradesco foi avaliada em US$ 7,7 bilhões, Itaú em US$ 5,6 bilhões, Banco do Brasil em US$ 2,9 bilhões e Unibanco em US$ 1,52 bilhão. Também aparecem no levantamento a Nossa Caixa (265º), Banrisul (305º), BNB (453º) e Panamericano (498º). O ranking resulta de uma pesquisa realizada com clientes bancários em cerca de 100 países.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG