SÃO PAULO - O Bradesco será o banco depositário das ações da Telebrás a partir de 10 de maio. A instituição substitui o Santander (sucessor por incorporação do ABN AMRO Real), que executará os serviços apenas até o fim desta semana.

SÃO PAULO - O Bradesco será o banco depositário das ações da Telebrás a partir de 10 de maio. A instituição substitui o Santander (sucessor por incorporação do ABN AMRO Real), que executará os serviços apenas até o fim desta semana. A troca não altera os direitos dos acionistas. A instituição depositária atende os acionistas em operações como consultas de posição, transferência de custódia, atualização cadastral e outros. De 26 de abril a 7 de maio, os serviços estarão suspensos por causa da migração entre bancos. A negociação em bolsa não será interrompida e as corretoras de valores continuarão a fazer as operações como de costume. (Valor)
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.