SÃO PAULO - A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) ainda busca direção no pregão desta quinta-feira. Depois de perdas acentuadas pela manhã e uma breve tentativa de alta, por volta das 15h30, o Ibovespa apontava queda de 0,11%, aos 67.

196 pontos, com giro de R$ 3,10 bilhões.

Em Wall Street, os índices registram leve variação positiva, com os agentes passando por cima de dados econômicos pouco animadores como alta na inflação no atacado e maior demanda por seguro-desemprego. Há pouco, o Dow Jones ganhava 0,19%, enquanto o S & P 500 e o Nasdaq subiam 0,11% e 0,12%, respectivamente.

Ainda na agenda americana, os dados com viés mais positivos foram o índice de indicadores antecedentes, que registrou elevação no mês passado, e o índice de atividade do Federal Reserve (Fed) da Filadélfia, que saiu de 15,2 em janeiro para 17,6 agora em fevereiro.

No câmbio, o dia também é indefinido. O dólar devolveu os ganhos da abertura e opera em leve baixa contra o real, apesar do fraco desempenho da bolsa e da valorização da divisa americana ante outras moedas. Há pouco, o dólar comercial caía 0,16%, a R$ 1,825 na venda.

Dentro do Ibovespa, Vale PNA aponta alta de 0,29%, a R$ 44,42, limitando as perdas do dia. Já Petrobras PN operava estável a R$ 34,25.

Mais firmes na baixa, Itaú Unibanco PN devolvia 0,73%, a R$ 37,60, Bradesco PN recuava 0,61%, a R$ 32,30, e OGX Petróleo ON desvalorizava 1,18%, a R$ 17,44.

Destaque de alta para o papel ON da MMX, que subia 0,90%, a R$ 13,37, LLX ON marcava valorização de 0,86%, a R$ 9,34, e Rossi ON ganhava 0,84%, a R$ 14,37.

No extremo oposto, TAM PN caía 2,73%, a R$ 34,85, Lojas Americanas PN devolvia 1,64%, a R$ 13,14, e Telemar Norte Leste PNA recuava 1,51%, a R$ 53,17.

Fora do índice, a ação PN da Telebrás tem elevado volume, movimentando R$ 82 milhões. O ativo ganhava 0,43%, a R$ 2,31. Com giro de R$ 45 milhões, Kepler Weber ON saltava 11,32%, a R$ 0,59.

(Eduardo Campos | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.