Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bovespa segura alta de 0,69%; Dólar recua 1,73%, a R$ 2,214

SÃO PAULO - A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) resiste à instabilidade externa e segue operando em território positivo. Por volta das 14h35, o Ibovespa apresentava valorização de 0,69%, aos 41.

Valor Online |

805 pontos, com giro financeiro em R$ 2,3 bilhões.

As compras seguem concentradas nas ações PNA da Vale, da Petrobras e das siderúrgicas, que acompanham a valorização no preço das commodities.

Em Wall Street, Dow Jones aponta leve valorização de 0,19%, depois de um breve passeio pelo território negativo. Já a bolsa eletrônica Nasdaq sustentava alta de 0,82%. O indicadores econômicos do dia vieram conflitantes, com a melhora na atividade no setor de serviços contrastando com a acentuada queda nas encomendas à indústria.

O dia ainda reserva a ata do Federal Reserve (Fed), banco central norte-americano, que em 16 de dezembro surpreendeu o mercado ao reduzir a taxa básica do país de 1%, para uma banda entre zero e 0,25%.

De volta ao mercado interno, os agentes continuam ofertando dólares, reflexo da maior entrada de divisa no país e da percepção de que os comprados estão reduzindo suas apostas contra o real no mercado futuro. Há pouco, a divisa caía 1,73%, para R$ 2,214 na venda.

Dentro do Ibovespa, o ativo PNA da Vale lidera o volume negociado ganhando 2,85%, para R$ 28,80. Com o terceiro maior volume, CSN ON subia 2,74%, a R$ 35,50. Ainda entre as siderúrgicas, Gerdau PN aumentava 1,76%, a R$ 17,30.

O papel PN da Petrobras garantia alta de 0,59%, a R$ 25,25, apesar do preço do petróleo mudar de direção no mercado externo e passar apontar baixa.

Atenção para os bancos, que reverteram as perdas do período da manhã. Bradesco PN se valorizava 1,01%, a R$ 24,95, Itaú PN subia 1,0%, a R$ 29,24, e Bando do Brasil ON avançava 3,14%, para R$ 15,76.

No lado oposto, Telemar ON perdia 4,29%, para R$ 36,75. Redecard PN recuava 3,74%, a R$ 26,71, e CPFL Energia ON caía 3,66%, valendo R$ 30,00. Vivo ON, JBS ON, Cesp PNB, Eletrobrás ON e Duratex PN perdiam mais de 3% cada.

(Eduardo Campos | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG