Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bovespa reduz perdas para 0,15%; dólar avança 0,58%, a R$ 2,406

SÃO PAULO - Acompanhando a mudança de humor no mercado norte-americano, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) ensaia uma retomada para o território positivo. Por volta das 14h40, o Ibovespa apresentava leve baixa de 0,15%, aos 34.

Valor Online |

947 pontos. O giro financeiro estava em R$ 1,57 bilhão.

Em Wall Street, os índices operam em alta, com os investidores deixando de lado a série de indicadores econômicos negativos apresentados no período da manhã, como o fechamento de 250 mil vagas no setor privado e a queda da atividade no setor de serviços. Há pouco, o Dow Jones ganhava 0,84%, enquanto o Nasdaq subia 1,62%.

De volta ao mercado interno, o dólar opera com alta ante o real depois da acentuada instabilidade no período da manhã. A moeda bateu R$ 2,458 na máxima, estimulando duas intervenções do Banco Central no mercado à vista, depois caiu a R$ 2,372 na mínima, e, há pouco, valia R$ 2,406 na venda, com valorização de 0,58%.

Dentro do Ibovespa, a tentativa de recuperação esbarra nas ações PNA da Vale, que recuaram 1,20%, para R$ 22,22. A mineradora anunciou a demissão de 1,3 mil funcionários e concedeu férias coletivas para outros 5,5 mil.

Baixa com volume acentuada também para o papel ON da BM & FBovespa, que recuava 2,83%, para R$ 4,45. Acompanhando o preço dos metais, Gerdau PN perdia 1,09%, para R$ 13,60, e Usiminas PNA recuava 1,16%, para R$ 22,02.

Destaque para o papel PN da Petrobras, que se valorizava 2,13%, para R$ 18,69. Os bancos seguem os pares norte-americanos e também registram alta. Bradesco PN ganhava 0,86%, para R$ 24,40, enquanto Itaú PN subia 0,94%, negociado a R$ 26,69.

Destaque de alta para a VCP PN, com ganho de 4,04%, para R$ 12,59. NET PN e Sabesp PN subiam mais de 3% cada, para R$ 13,70 e R$ 23,70, respectivamente.

Na ponta vendedora, TIM Participações ON caía 8,30%, para R$ 5,96. A controladora Telecom Itália reafirmou que não venderá a companhia. Redecard ON e B2W Varejo ON caíam mais de 5% cada.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG